Priorat

A região vinícola de Priorat

A região vinícola de Priorat: uma das melhores da Europa

Em Priorat é produzido alguns dos melhores vinhos mundialmente. A revolução entre 1970 e 1980 trouxe novos métodos e ferramentas para a região, e, desde aí, os vinhos tornaram-se cada vez melhores, estando hoje entre os melhores do mundo.

Um terroir famoso

O segredo por detrás dos excelentes vinhos da região está no excelente terroir, mas também no facto da modernização do processo da produção de vinho que tem sido feita nas últimas décadas.

Hoje, Priorat é a única região vinícola, juntamente com Rioja, que obteve a denominação prestigiada de "qualificada", é portanto a razão de Priorat ter a sigla D.O.Q (“Denominació de Origen Qualificada” em catalão, desde 2001) nas garrafas de Priorat e Rioja, enquanto os vinhos de outras regiões vinícolas apenas dizerem D.O. A região de Priorat é famosa pelos seus vinhos tintos fortes feitos a partir de uvas Cariñena (Carignan) e Garnacha (Grenache). Estas uvas são frequentemente combinadas com Cabernet Sauvignon e Syrah nesta região.

História de Priorat

A região vinícola tem 2000 anos de história. Tarragona, localizada a este de Priorat, era a capital Romana de Tarraconense e os romanos já produziam vinho na área. Priorat produz, então, vinho à pelo menos 2000 anos.

Priorat foi ocupando pelos muçulmanos no séc. VIII e foi controlado por estes até ao séc. XII. Priorat preserva vestígios destes tempos, como a velha mesquita na Catalunha e na bonita cidade de Siurana existe uma famosa igreja construída no estilo romano do séc. XVII.

O nome Priorat
O distrito recebe o nome da ordem dos Cartuxos que fundou um mosteiro na região no final do séc XVII. Hoje as ruínas do mosteiro Cartuja de Santa María de Escaladei, podem ainda ser visitados perto da adega de Scala Dei, que adotou o nome no mosteiro.

A revolução em 1980 e 1990
Nos últimos 20 anos, Priorat sofreu grandes mudanças, provavelmente maiores do que nos últimos 2000 anos.Nos anos 80 e especialmente durante os anos 90, os produtores de vinho de Priorat mudaram os seus métodos e equipamentos e começaram a ter uma abordagem mais profissional para com o vinho.

O pioneiro foi René Barbier, que treinou Alvaro Palacios entre outros. Hoje os vinhos são conhecidas pelo uso das velhas uvas Garnacha e Cariñena (normalmente usando uma mistura de cabernet sauvingon e Syrah) e pelo sabor mineral proveniente do solo.

Características gerais e condições climáticas de Priorat

A região tem mais de 3000 horas de luz solar e menos de 380 mm de precipitação por ano. O solo é rico em ardósia e as vinhas são geralmente velhas (têm mais de 30 anos, em L’Ermita irá ver videiras Garnacha que foram plantadas à mais de 70anos).

Solo com ardósia
O solo, muito raro na península Ibérica, é rico em ardósia do período Carbonífero, ocupando uma grande área do centro da região. Este tipo de solo consiste em pequenas e finas camadas de ardósia conhecidas como Llicorella. A vinha é plantada em terraces e encostas íngremes. Estes são alguns dos segredos por detrás do vinho único desta região.

A uva garnacha
Garnacha (espanhol) ou Grenache (francês) é o tipo de uva predominante na região de Priorat, e uma uva muito popular pois dá-se muito bem com o clima seco da área. Esta uva dá um vinho muito forte e fresco. É também uma uva com uma pele muito fina e tem características únicas.  Alvaro Palacios (see below) diz que Garnacha é a "única uva que transforma um clima seco e quente numa bela e refrescante bebida ".

Características gerais dos vinhos de Priorat

Vinhos Brancos

Os vinhos brancos são feitos de variedades de uvas como Macabeo e Garnacha Blanca. São de cor amarelo claro com aromas frutados e fá-lo pensar em ervas das montanhas. Na boca tem carácte mediterranico: quente e suave.

Vinhos Rosé
Os vinhos Rosé são os menos típicos da região de Priorat. O clima quente dá ao vinho um sabor a fruta madura e um palato quente e saboroso.

Vinhos Tinto
Este é o produto mais produzido na região. O vinho tinto tem uma cor intensa de cereja  com um complexo aroma a fruta madura e carácter de terroir (proveniente do solo) que dá um sabor mineral. No palato são caracterizados por grande caracter, forte, carnudo, quente e tânico com sabor persistente. Os tintos são feitos a partir de Grenache e Carignan combinados com baixas percentagens de variedades estrangeiras.

Vinhos doces e rançosos
Estes são os vinhos tradicionais da região. Têm um sabor a amendoa e a ervas das montanhas. O palato é quente, saboroso  e com uma boa evolução oxidativa. A variedade de vinhos doces com cor de cereja cobertos com aromas a frutos pretos e detalhes do envelhecimento em carvalho. O palato é doce, pastoso, frutado e balançado com uma boa acidez.

Produtores de vinho e adegas em Priorat

Top produtores de vinho

  • Carles Pastrana (Clos de l'Obac, Miserere, Dolç de l'Obac)
  • Alvaro Palacios (L'Ermita, Finca Dofí, Les Terrasses)
  • Dafné Glorian (Clos Erasmus – nos anos 2004 e 2005 o vinho obteu os 100 pontos de Parker)
  • José-Luis Pérez (Clos Martinet, Cims de Porrera)
  • René Barbier (Clos Mogador).

Alvaro Palacios

Alvaro Palacios é um dos produtores de vinho mais sucedidos de Espanha no momento e revolucionou o vinho espanhol nas últimas décadas. Alvaro Palacios produz alguns dos melhores vinhos de Espanha na região de Priorat. Em 1993 comprou 1.7 hectares em La Ermita (bonita la Ermita, assim chamada por Palacios), localizada em Gratallops. Esta é provavelmente as melhores vinhas de todo o Priorat. La Ermita está localizada numa ingreme encosta virada para o norte que consiste inteiramente de uvas Garnacha-(Grenache-) dos anos 1940.

Vinho L'Ermita de Alvaro Palacios
L'Ermita é o melhor vinho de Alvaro Palacios. Este mistura Garnacha com um pouco de cabernet sauvignon, dando origem a um vinho forte e elegante. O vinho já obteve 97 pontos de Robert Parker várias vezes.

Vinho Les Terresses de Alvaro Palacios
Outro excelente vinho de Priorat de Alvaro Palacios. A garrafa esta disponível a um preço acessível de 25 euros em Espaha. O vinho é feito a partir de Garnacha, Cariñena e 10% Cabernet Sauvignon.

Adegas importantes

  • Costers del Siurana
  • Capafons-Osso
  • FerrerBobet
  • Scala Dei
  • Mas Igneus
  • E outras mais pequenas nas areas de Falset, Gratallops e Porrera
Clos Figueras
A adega Clos Figueras está localizada em Gratallops, dentro da DOQ Priorat. A propriedade foi adquirida em 1997 por Charlotte e Christopher Cannan pela recomendação de René Barbier. A adega Clos Figueras retem um vinho original de Granache e Carignan. Também utilize outras variedades como Syrah, Cabernet, Morvedre e Viogner.

Marcas: Clos Figueres, Font de la Figuera negre, Font de la Figuera blanc y Serras del Priorat.

Clos Mogador
Nos anos 40 os irmãos Leon i René Barbier , de acordo com a tradição de família, engarrafaram os primeiros vinhos de Priorat. Em 1978, os descendentes da família (René Barbier, a sua mulher Isabelle e os seus fillhos René, Celine, Christian e Anderson) adquiriram em Gratallops alguns dos hectares da DOQ. É assim que Clos Mogador nasceu. Fundado em 1979 e a trabalhar com as variedades de uvas: para vinhos tintos: Garnatxa, Cabernet Sauvignon, Carignan e Syrah, para vinhos brancos: Garnatxa branca,

Macabeo e Pedro Ximenez

Marcas: Clos Mogador e Manyetes.

Scala DeiI
A adega , fundada em 1973, est+a localizada nos antigos edifícios dos Cartuxos , restaurados e equipados com modernos sistemas de processamento. A adega é do séc. XVII. Utiliza as variedades de uvas: black garnatxa, samsó (carinyena), cabernet sauvignon e syrah.
Marcass: Scaladei Negre, Scala Dei Prior e Scaladei Cartoixa.

Marcante presença das pontuações de Parker (2010) em Priorat

Quando o famoso Robert Parker e a sua equipa de especialistas publicam as pontuações todos os anos,  o mundo dos vinhos sustem a respiração, mas em 2012, quando saíram os resultados, muitos produtores de vinho de Priorat tinham razões para estarem felizes.

“Parker's score” é o guia de vinhos mais popular e que mais influencia no mundo, pois as suas pontuações são válidas e valorizadas por todo o mundo. 15 dos 96 vinhos espanhóis que têm tido uma pontuação superior a 94 por Parker e a sua equipa são de Priorat. Dado o facto que apenas 1% de todo o vinho produzido na Catalunha é de Priorat, pode-se compreender a excelente qualidade dos vinhos desta região vinícola.

No Outono de 2011, Financial Times publicou um longo artigo dedicado aos vinhos de Priorat com o título: "Wine spirits visitors to the region once in decline".

Factos sobre Priorat

Área: 1.900 hectares
Produção: Priorat produz cerca de 3,500 hectolitros cada ano.
Número de adegas em Priorat: 90

Comercialização dos vinhos de Priorat
48% Espanha, 52% exportado

Priorat consiste em 10 pequenas aldeias
Aregião de Priorat está localizada a sul da Catalunya (Catalunha), na região de Tarragona, incluindo os municípios de La Morera de Montsant, Scala Dei, La Villeda, Gratallops Bellmunt, Porrera, Poboleda, Torroja, Lloa, Falset e Mola.
ASTA - Association Society of Travel Agents
Enoturisme Penedès
Catalunya Turisme ACT
Visa, Mastercard, Amex